A inimputabilidade penal é causa de exclusão de culpabilidade, ou seja, mesmo sendo o fato típico e antijurídico, não é culpável, eis que não há provas que o agente possuía capacidade psíquica para compreender a reprovabilidade de sua conduta.